Meu Canto | Comportamento

31 Outubro 2016

A bruxa esta solta. Doce ou travessura?

A bruxa esta solta. Doce ou travessura?

Nos últimos dias sua campainha deve ter tocado mais do que o normal. Atrás da porta estavam crianças fantasiadas de monstros e bruxas gritando: Gostosura ou Travessura?
Muitas festas já rolaram mas oficialmente o dia do Halloween é hoje, 31 de outubro.


A festa foi criada pelos celtas há aproximadamente 2 mil anos (data estimada pelos historiadores) na região da atual Irlanda.
O objetivo era celebrar o começo do inverno e homenagear os espíritos dos mortos. Os celtas comemoravam seu ano novo em 1º de novembro, data que também marcava o fim das estações quentes do ano.  Eles acreditavam que, na véspera, chamada de "Samhain", o mundo dos vivos e dos mortos se mesclava.

O cristianismo é que teria injetado o ar "diabólico" ao Halloween, já que associava espíritos e fantasmas ao paganismo e ao mal. Mas a festa originalmente não tinha a intenção de ser assustadora, e sim uma celebração. Segundo os historiadores, o Halloween como o conhecemos hoje vem da época em que os missionários cristãos tentaram mudar as práticas religiosas dos celtas.
Para substituir a festa pagã do "Samhain" por uma comemoração cristã, a Igreja Católica determinou que o 1º de novembro seria o Dia de Todos os Santos (All Saint's Day), também chamado de All-hallows. A véspera, portanto, era chamada de All-Hallows Eve, que depois virou Halloween.

A festa se popularizou nos Estados Unidos com a chegada de um grande número de imigrantes irlandeses, no século XIX, e aí a comemoração ganhou diversas novidades.
Uma delas é o uso de fantasias. Já que os celtas acreditavam que na noite de 31 de outubro, os espíritos dos mortos vagavam junto a fadas, bruxas e demônios, estas figuras acabaram sendo os temas mais comuns dos disfarces de Halloween.

A tradição de "gostosuras ou travessuras" também pode ser creditada aos celtas, que costumavam oferecer comida aos espíritos do Halloween para indicar o caminho das casas de suas famílias.

Imagina a brincadeira de Halloween no salão de festas de um de nossos empreendimentos. Veja a lista de empreendimentos Congesa aqui: http://www.congesa.com.br/imoveis/

As abóboras ocas e recortadas, outro ícone do Halloween, são tipicamente norte-americanas.
Uma lenda celta dizia que um espírito que não conseguia ir nem ao céu nem ao inferno, usou uma lanterna para guiar-se. Os irlandeses, ao imigrar aos Estados Unidos, conheceram as abóboras e perceberam que, ocas, elas também funcionavam bem como lanternas e continuaram assim a tradição.

Além dos Estados Unidos, a celebração do Dia das Bruxas é muito popular no Canadá e no Reino Unido.
Nos países latinos, a comemoração também acontece, mas de forma mais tímida.
Aqui no Brasil, a brincadeira de bater de porta em porta atrás de doces, enfeitar as casas com adereços assustadores e participar de festas a fantasia vêm se tornando cada vez mais mais comuns.